sexta-feira, 17 de agosto de 2018

Visitando Goiânia !!


Então, estive de volta ao Centro-Oeste do Brasil, em agosto deste ano.
Anteriormente, havia visitado o Distrito Federal e Mato Grosso. 
Não sabia, sinceramente, o que me aguardava na capital de Goiás, e também estava nos planos, visitar Pirenópolis.
O voo foi Rio-Brasília e não Rio- Goiânia, pois estava o dobro do preço do primeiro, este ...
O voo custou R$ 285,00 pela GOL, saindo do aeroporto de Santos Dumont, centro da capital carioca.
Chegando à Brasília, dediquei umas 3 horas para revisitar a capital do país ... mas somente no Plano Piloto.
Queria muito ir ao novo Estádio Mané Garrincha, mas vai ficar para a próxima.
Daí tomei uma "carona" do Blablacar , por R$ 30,00, até Goiânia, muito, muito próximo de meu local de destino.
A cidade é bem grande ... muito maior do que eu imaginava.
Eu planejava ver o letreio "EU AMO GOIÂNIA" , ir ao Parque Vaca Brava e seu belo espelho d'água (foto acima) e conhecer a Praça Cívica, basicamente.
Depois me imaginava visitando a cidade de Pirenópolis. 
Mas encontrei outros pontos bem interessantes na cidade ...
Claro, que visitaria este importante templo de fé, a Igreja Matriz de Nossa Senhora Auxiliadora. Ela é a sede da Arquidiocese de Goiânia, criada pelo Papa Pio XII, em 26 de março de 1956.
Como outras grandes cidades, Goiânia investe em saúde e qualidade de ar e vida ... o bicicletário, onde as magrelas são emprestadas, não me deixa mentir.
Existe, de fato, uma boa ciclovia, ligando diversos postos da cidade.
 O Palácio Pedro Ludovico Teixeira é sede administrativa do Governo do Estado Goiano... muito bonito.
Vi alguns museus bem interessantes em Goiânia, na sua maioria estão vinculado às universidades, em outros espaços de cultura, percebi boa vontade do governo em cuidar de alguns espaços. 
Outros espaços estão, realmente, deixados de lado !! 
Na Praça Cívica encontramos o bonito Monumento das Três Raças ...


O museu que mais gostei é o da edificação azul, também na Praça Cívica.
O acervo do Museu Goiano Professor Zoroastro Artiaga, que completou em 2018, 71 anos de existência ... de tirar o fôlego !!
A fachada é em estilo art-decò .... o acervo, uma viagem da história de Goiânia, com documentos históricos, utensílios antigos, objetos relacionados aos índios do Brasil Central e peças artísticas.
O que mais gostei !
Tem o Museu de Artes de Goiânia, localizado dentro do Parque Buritis, com seu acervo recheado de pinturas, gravuras, esculturas e fotografias assinadas por artistas regionais.
Imperdível também, o segundo que mais gostei, é o Museu Pedro Ludovico Teixeira, o fundador de Goiânia.
A casa onde morou com sua ilustre família, cuja edificação, também em art-decò, é tombada pelo Patrimônio Histórico Estadual.
E dei muita sorte, pois o Museu de Pedro Ludovico foi reinaugurado poucas semanas antes de minha visita, ainda em julho.
Teatro Goiânia, inaugurado em 12 de junho de 1942, é o mais tradicional espaço cultural de Goiânia, e integra o conjunto arquitetônico do projeto da cidade. 
Trata-se do estilo Art decó do arquiteto Jorge Félix.
Outro, que ficava perto do local onde vivi, em Goiânia, é o Teatro Escola Basileu França, na Avenida Universitária ( ou Décima Primeira ) com uma arquitetura mais contemporânea. 

Outra coisa que me chamou atenção, é que os carros deste estado não passam por vistoria anual, como no Rio de Janeiro.
Aqui se paga a taxa (DPVAT, Licenciamento Anual, Emissão de Documento), normalmente, a cada ano .... mas a vistoria só ocorre quando é feita a transferência, de um proprietário para outro.
Pois é ....
Aqui tem também o BRT ... mas mais bem mais antigo, desde a década de 90 do século passado.Mas do mesmo jeito do daqui, mal conservado, lotado, com uns caloteiros ... que é clássico.
Não entendi bem o "porquê" .... Goiânia é conhecida por "gyn", sendo inclusive, a identificação de seu aeroporto ...
Mas eu amo GYN ...
Sem dúvidas, um dos maiores atrativos de Goiânia, são seu parques ... o Parque dos Buritis tem uma ampla rede de canais , interligados, conhecido como o parque da estação de águas.
É um lugar onde se encontras diversas espécies de aves, tartarugas e árvores e outros vegetais menores.
O Monumento da Paz Mundial , que guarda uma porção de terra de diversos países, está lá.
 O Monumento aos Mortos e Desaparecidos (goianos) na Luta Contra a Ditadura Militar , inaugurada em 27 de agosto de 2004, também está lá,  com sua grande esféra metálica se encontra numa das entradas deste parque.
Ele foi revitalizado recentemente (2016).
Mas tem um lugar que eu A-M-E-I .... o Beco da Codorna ... o primeiro museu de arte urbana de Goiânia !!  
Além de ser uma galeria a céu aberto, várias atividades artísticas e culturais acontecem por lá.

Já foi no passado espaço de estacionamento, uma área abandonada onde as drogas e a prostituição imperavam, mas graças a um evento organizado pela PUC-GO, levando música, grafite, skate e comida ... a história começou a mudar.
Estive lá, no inicio da tarde, com um amigo, e estava meio vazio.
Mas acredito que com o cair da noite, deve ser um fervo total !! 
Outro lugar interessantíssimo, é a Vila Cultural Cora Coralina.
Espaço recentemente revitalizado, com diversas salas de exposição, auditório, um belo pário.Foi inaugurado, às pressas, para o aniversário de 80 anos da capital goiana, bem localizado, no centro da cidade.
A Praça do Sol, no Setor Oeste, é  atualmente um cartão postal de Goiânia,  graças ao painel,  muito comum em diversas cidades do mundo, com os dizeres .... EU AMO !!
Claro que quem visita a cidade, tem parada obrigatória nesta parte da cidade.
Uffa .... e só foram dois dias ....
Poderia escrever mais e mais sobre esta linda cidade, mas não quero ser cansativa.
Coloquei as informações que, selecionadas, me abriram uma curiosidade maior .... mas Goiânia tem muito, muito mais que isso.
Espero que tenham gostado !!


Eu estive lá em Julho de 2018 !!


domingo, 17 de junho de 2018

Mais uma aventura .... afinal quem é mochieliro, não sossega nunca !!
  

Já tinha planos de conhecer a seera fluminense, não não entendo bom por que demorou tnato, nem é tão longe assim ....
E fui para Nova Friburgo  ... de ônibus , algo em torno de R$ 47,00 (de ida) e R$ 45,00 (de volta) pela Viação 1001.
Duração de umas 3 horas, saindo da Rodoviária Novo Rio.
E o mais legal e que me programei de  visitar a cidade serrana no mês de seu aniversário, maio !!
Nova Friburgo completa seu bicentenário no dia 16.
Claro que esta dica preciosa foi me dada por meu simpático e receptivo anfitrião, um habitante de Friburgo, a qual aceitei prontamente.
Chegado o dia, deixei o trabalho e fui direto para a rodoviária.
Passagem de ida já comprada, o ônibus saiu com atraso e o pior, é que o motorista, quando em local de embarque e desembarque (alguns terminais rodoviários), descia do veículo e ia fumar, conversar com seus pares...
A questão é que estávamos atrasados e eu , preocupada, pois chegaria à noite.
Tinha anotado os dados de meu cartão de crédito, para alguma eventualidade, como colocar créditos no meu telefone móvel e permitir algum tipo de comunicação, mas não anotei a data de validade do cartão e houve recusa em autorizar o processo. 
Não levei o cartão pois ele ainda não estava na melhor data para compras ... era só para uma emergência mesmo !!

  
 No dia seguinte começamos a aventura nos "jardins do Nêgo" ... o atelier do artista fica na Estrada Teresópolis-Friburgo.
O jardim é criado e mantido por Geraldo Simplício, conhecido como Nego. 
O artista veio do estado do Ceará e mora sozinho no local a mais de 30 anos. Atualmente, são 17 esculturas feitas de barro.
Depois, visita a Casa Suíça, que abriga uma importante queijaria da cidade, o Museu e Memorial do Colonizador ... além da XVIII Feira de Carros Usados, comemorativa dos 200 anos de Nova Friburgo.



Depois, ainda, parada no Apiário e Museu do Mel, mas não entrei no museu pois é visita guiada e demorava um pouquinho ....


Com fome ? 
Vá almoçar num simpático restaurante de sel-service, chamado Dona Mariquinha, onde se encontra uma variedade bem grande de alimentos .... eu ainda tomei uma coca-cola. 
Já não tinha espaço nem mais para uma azeitona ... credo !!
Depois de me recuperar um pouco, decidi ir passear no teleférico de Nova Friburgo.







 Não podia ir de imediato ou iria vomitar, lá de cima, que coisa mais feia !

Fui e comprei ingresso para ir,além da primeira etapa, onde está o "bowling", até o Morro da Cruz .... valor de R$ 40,00.
Voltei para a casa de meu anfitrião, que já estava lá.

Nos recolhemos, não tão tarde, pois amanhã (domingo) ele terá de ir a Casimiro de Abreu e eu irei com ele, para conhecer a estrada que liga a serra à Região dos Lagos.
Ele me disse que a Serramar é uma estrada bem bonita, me animei de ir.
E assim , no dia seguinte fomos pra Casemiro .... passamos por Lumiar, pela entrada para São Pedro da Serra ... muto bonito, muitas montanhas ...
Depois de Casemiro, na volta, passamos numa localidade próxima ao "Encontro das Águas" .... onde o Rio Macaé encontra o Rio Bonito. 
Ele parou o carro lá e depois seguimos pra linda Toca da Onça, onde encontramos a pousada da maria (uma amiga dele) e pudemos almoçar.
Depois de comer e brincar com os cães  Tico e Teco .... uma visita à chamada "prainha", coisa mais linda da Toca da Onça ... fiz umas 50 fotos, somente lá !!
Na volta, paramos no vilarejo de Lumiar .... que coisa essa tal Lumiar !!
O centro da cidade é pequenininho e charmoso ... tem uma praça com coreto e lago ... vimos algumas das atrações descritas como atrações de Nova Friburgo, mas na região de Lumiar .... só não fizemos cachoeiras nenhuma pois já estava ficando tarde e como ele havia conseguido os ingressos pro show do Alceu Valença (com uma amiga), visto que já haviam se esgotado, era necessário ir buscá-los, a tempo de ir para show, esta noite.
Mais tarde ele preferiu não sair pois estava com dores, numa crise de hérnia de disco .... uma pena pois acabei indo para o show sozinha !! 
Lamento mais por falta da comapnhia dele do que por ir só, pois estou até acostumada.
Na manhã seguinte nos despedimos pois ele teria de ir para Petrópolis, para um trabalho, e eu teria um dia interinho e, graças a Deus, com muitos sol, para ainda aproveitar um pouquinho mais desta cidade linda.
passei no tradicional Colégio Anchieta, um posta da cidade, com suas lindas palmeiras imperiais, ornando o bem tratado jardim.
Mais uma fotos com a Capela de Santo Antônio, num dia ensolarado .... da outra, vez não estava assim, tão bonito !!
Fotos da Praça das Colônias, do Teatro Municipal .... caminhei até a ponte em arco sobre o Rio Bengalas.
Voltei a Praça Getúlio Vargas para observar algumas outras importantes edifocações : a Igreja de São João Baista ( a matriz), a Estação Usina, o Fórum, o Instituto de Educação.
Peguei uns encartes a mais no Centro de Informação Turística, para guardar de recordação.